“Perfeita é a mãe” – Filmes que toda mãe deveria assistir

“Às vezes eu sou muito tolerante… às vezes sou muito rígida.

Às vezes sou tão louca que nem penso nas palavras que saem da minha boca.

O que funciona para minha filha, quase nunca funciona para o meu filho.

E quando acho que estou começando a entendê-los, eles crescem e eu volto para a estaca zero.

A verdade é que em se tratando de ser mãe, eu não tenho ideia se estou certa.

E acho que ninguém faz ideia, pois ninguém é perfeita.

Sabem por quê?
Porque hoje em dia, ser mãe é impossível!
Então será que dá para parar de fingir que somos perfeitas, e parar de julgar os outros?”
Retirado do filme, Perfeita é a mãe, o texto acima serve para mostrar que não existe caminho certo
ou errado, quando se trata de ser mãe.
O mais importante é saber, que estão sempre buscando o melhor para seus pequenos e, que, antes de se tornarem mães, elas são mulheres que têm sonhos, carreiras e obrigações.
E, na busca de tentar fazer tudo isso perfeitamente acabam enlouquecendo.
Que tal relaxar um pouco?
Fizemos abaixo uma relação com 6 diferentes filmes, que retratam os diferentes tipos de mães, mas de uma maneira leve para você se divertir com sua família.
Vamos a eles!

Perfeita é a mãe

Dos diretores Jon Lucas e Scott Moore, Perfeita é a mãe mostra uma jovem esposa e mãe, aparentemente realizada com um casamento perfeito, que se vê, de repente sozinha e, estressada com tantas obrigações.

Parece familiar? Pois é, este e outros filmes que tratam deste universo, podem ser uma boa pedida para assistir hoje, ou sempre. Afinal de contas quem nunca…

Não sei como ela consegue

Estrelado por  Sarah Jessica Parker, Kate Reddy é aquela mulher moderna que todas gostariam de ser. Divide com maestria seu tempo como mãe e, profissional perfeita.

Por acreditar que não dá atenção suficiente para o marido Richard (Greg Kinnear) e os filhos Emily (Emma Rayne Lily) e Ben (Julius Goldberg/Theodore Goldberg), ela sofre enquanto corre de um lado para outro, tentando realizar todas as suas tarefas.

Interessante ver como ela está sempre linda e penteada, o que nos fazem pensar, “como ela consegue?”.

Uma boa narrativa e uma bela demonstração do que uma mulher precisa fazer para equilibrar todas as áreas da sua vida.

O que esperar quando você está esperando

Baseado no best-seler homônimo escrito por Heidi Murkoff, que serve como guia para mulheres durante a gravidez, o filme tem um elenco recheado que conta inclusive com a presença de Rodrigo Santoro e Jennifer Lopez.

Leve, esta narrativa é perfeita para mostrar como apesar de parecerem iguais, as mulheres, suas formas de amar e, se tornarem mães, podem ser bem diferentes.

Destaque também para os sentimentos masculinos e, como os homens reagem a paternidade.

Com cenas realmente emocionantes, e outras bem divertidas é impossível não se identificar com algum dos personagens.

Uma mãe em apuros

Muitas mães e blogueiras vão se identificar com esta história em que Eliza Welsh (Uma Thurman) é uma escritora, blogueira, mãe de dois filhos e esposa.

O filme procura retratar a bagunça que é a sua vida quando precisa, (pra variar,) conciliar seus sonhos e oportunidades, à sua rotina de mãe e esposa.

A felicidade de escrever, a alegria de ver o filho mais novo começar a andar e, os preparativos para a festa de aniversário de 6 anos da filha, mostram no detalhe como pode ser cansativa a rotina de uma mãe.

Valente

Se gosta de animação, este é o seu filme para hoje.

Perfeito em mostrar a relação entre mãe e filha, neste, a rainha, uma esposa e mãe perfeita, quer impor sua opinião e desejos à filha, que sonha com um futuro completamente diferente.

Com uma animação perfeita e empolgante, é possível ver uma princesa (Merida) descontruída, que nem pensa em príncipe encantado, mas nem por isso deixa de ser a princesinha do papai.

Um belo exemplo de como os pais nem sempre têm razão, por mais difícil que isso possa parecer.

Uma Prova de Amor

Se seu desejo é juntar a família para uma sessão de choro, não pode deixar de ver este filme.

Nele, vamos perceber até que ponto chega o amor de uma mãe por um filho e o que ela pode fazer para salvá-lo.

Conta a história de Sara (Cameron Diaz) e Brian Fitzgerald (Jason Patric) que geram uma filha mais nova, para salvar a vida da mais velha que foi diagnosticada com leucemia.

Vale a reflexão sobre as atitudes desta mãe, mas nunca um julgamento, afinal, ninguém sabe o que faria se estivesse no lugar dela.

Aproveitem o seu dia. Feliz dia das mães!

Imagens: Reprodução Google

 

Claudia Freitas

Claudia Freitas, bem maior de 40, jornalista e editora deste singelo Blog.

Oi deixe sua crítica, ideia ou sugestão.