Me desculpe, eu sou mãe!

Eu falo alto.

Eu grito muito.

Eu perco a paciência.

Eu fico nervosa.

Eu sou louca.

Eu me arrependo.

Eu choro.

Eu tenho medo.

Eu queria poder fazer tudo.

Eu queria ser melhor.

Eu reclamo.

Eu brigo.

Eu sou chata.

Eu resmungo.

Eu ignoro.

Eu dou ordens.

Eu me descabelo.

Eu me assusto.

Eu tenho insônia.

Eu tenho sono.

Eu fico cansada.

Eu amo demais.

Eu sou mãe!

Claudia Freitas

Claudia Freitas, bem maior de 40, jornalista e editora deste singelo Blog.

2 comentários em “Me desculpe, eu sou mãe!

  • julho 12, 2016 em 5:13 pm
    Permalink

    Amei. As idéias de colar. Bjs

  • julho 12, 2016 em 9:10 pm
    Permalink

    Oi Angelita,que bom que gostou.Em breve soltaremos mais dicas e se tiver ideias de pautas, pode mandar pra gente. Bjkas.

Oi deixe sua crítica, ideia ou sugestão.